Assina meu Feed ai!
Google
 


31 janeiro 2009

Crônicas da Campus Party: A Coelhinha, o estrupício e a rede

campus-party-2008-logo A Campus Party 2009 acabou e com um pouco de atraso aqui estou para dizer o que achei do evento e de certas coisas que ocorreram por lá, só pra registro. Eu nunca tinha participado de um evento com tanta gente assim (com exceção de shows, marchas e etc.) e o fato de a grande maioria dos participantes ser da área de tecnologia e/ou ter algum grau de "nerdice", fizeram com que eu não me sentisse tão deslocado no meio da multidão, claro que a companhia de um amigo do mundo off-line também ajuda muito nessa hora.

No geral o evento foi bom, conheci pessoalmente muita gente bacana como a Cynara Peixoto, o Pedro Cardoso, o Karlisson e o John "MadDog" Hall bem como pessoas cujo primeiro contato foi no próprio evento como o Daniel Bica, o Xisberto, entre outros (a lista não é pequena), participei também de workshops, aproveitei a internet, etc. O problema é que apesar de ter me programado para algumas palestras, no geral eu não sabia se tirava fotos, se conhecia gente, se ficava nas palestras, se blogava, se fazia download (porque eu não tinha coragem de largar o note na bancada) ou qualquer outra nerdice, isso porque acontece muita coisa ao mesmo tempo lá e quando você tenta fazer muita coisa ao mesmo tempo acaba meio perdido e com muita coisa por fazer. Ok! Ok! Acho que vou ter que me organizar melhor ano que vem, mas ai já não vou ser mais marinheiro de primeira viagem. 

Sobre a coelhinha da playboy Ana Lúcia

450px-Ana_Lúcia_Fernandes2 Mas como nem tudo são flores houveram houve acontecimentos chatos na Campus Party, e um deles foi o episódio em que a coelhinha da playboy Ana Lúcia teve a sua retaguarda apalpada por um nerd inconsequente, supostamente devido a uma aposta, o que não pegou  nada bem para a imagem do evento. Atitude lamentável do infeliz! Mas para quem não ficou sabendo do burburinho, tem uma foto no Flickr da coelhinha visivelmente abalada e nos comentários da foto temos umas mensagens e críticas sobre o caso, leiam e depois voltem para saber o que eu acho.
Leram? Ok! De primeira confesso que estranhei a reação da coelhinha porque imaginei que, como modelo profissional, ela deva ter algum tipo de preparo para lidar com esse tipo de situação e estar acostumada a lidar com "engraçadinhos", ela até já tinha passado por um caso desses uma vez, segundo entrevista dada ao portal Abril.com. De qualquer forma, ela estando ou não preparada e o ato sendo ou não fruto de uma aposta, o cidadão foi simplesmente um estrupício por ter feito uma coisa dessas. Será que ele não tem irmã(s), mãe, tia(s), prima(s) não? Um pouco de RESPEITO ao próximo iria muito bem, hã? Se não acha que ela mereça respeito por qualquer motivo, que mostrasse um pouco de BOA EDUCAÇÃO então o que já seria o suficiente. Não sei o que o cara tinha na cabeça (será que uma "aposta" dessas acontece toda vez que ele vê uma mulher com trajes sensuais?), só sei que ele não mostrou respeito, boa educação, não provou ser mais homem que ninguém (pelo contrário) e muito menos ser melhor que ninguém, só conseguiu queimar o filme dele e alimentar estereótipos ruins. Esse é o ponto. Agora, quem quiser discutir se a coelhinha Ana Lúcia "fez por onde" ser bolinada ou não, como aconteceu no Twitter, blogs e outras esferas da web, fique à vontade. Eu fico por aqui.

E como diria o Professor Pasquale: É isso ai!

Outros textos sobre o caso:
http://fantasticafabricadebarulho.blogspot.com/2009/01/pedido-de-desculpas-ao-homem-generico.html
http://www.interney.net/blogs/inagaki/2009/01/28/campus_party_cparty2009_balanco_final/
http://blogdoxavier.blogspot.com/2009/01/gostosa-da-playboy-foi-bolinada-na.html
Algumas fotos:
http://www.flickr.com/photos/23487000@N05/tags/cparty09/

3 comments:

Daniel Bica disse...

Não é que você conseguiu expressar o que eu estava querendo em relação à coelhinha?
Vou ter que re-montar meu rascunho para não parecer cópia :-)
Realmente eram muitas atividades e algumas simultâneas o que exigia de nós participantes uma escolha rápida e precisa. Quanto ao deixar os equipamentos nas bancadas, penso que foi a melhor coisa que você fez. Nas comunidades foram relatados vários problemas com furtos no evento. Lembra que eu andava para cima e para baixo com um mochilão? Então, dentro estava a maior parte dos meus pertences pessoais. É certo que as experiências da Campus Party 1 e 2 irão refletir em uma organização melhor na 3.
No meu post que publicarei nas próximas horas (referente à minha participação no evento), relatarei que as melhores coisas do evento em minha opinião foram as pessoas. Lógico que aprendemos, ensinamos e compartilhamos muito no evento. Mas em minha opinião, os amigos que fiz (como você) e os diversos colegas que conheci, fizeram valer o investimento que fiz para participar do evento.
Após ler este seu post na integra, posso dizer com total segurança que as palavras que você utilizou refletem sim o grande sujeito que você é, pois passam um pouco dos eu caráter e cuidado que você tem ao tratar os outros e expor as suas opiniões.
Vou ficando por aqui para não escrever um livro.
Um abraço, parabéns pelo blog e muito sucesso com seu projetos.

Xisberto disse...

Cara, realmente essa história da Ana Lúcia ainda vai dar o que falar. Vai ser lembrada para sempre, assim como a história da De Leve e da briga nas barracas.

No mais, espero que o Daniel esteja certo, que na próxima edição estas coisas sejam corrigidas pela organização.

Ano passado eu fui e não vi problemas com furtos. Esse ano comprei uma trava pro notebook, e fiquei mais tranquilo.

Malcomtux disse...

Daniel Obrigado pela palavras Mister Daniel. Também acho que o investimento foi válido apesar de não ter sido tão produtivo quanto eu esperava.

Xiberto A gente sempre espera que as coisas evoluam ao invés do contrario não é? Vou ver se providencio essa trava ano que vem, porque se caso contrario não aproveito direito.